Educação

POLITICA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PERMANENTE

Gerência de Gestão da Educação na Saúde – GESAU, vinculada ao Departamento de Gestão do Trabalho e Educação (DTRAB), é responsável pela condução do processo de implantação da Política Municipal de Educação Permanente em Saúde (PMEPS).

A PMEPS é considerada uma importante estratégia para a mudança nos processos de trabalho orientada para a melhoria da qualidade dos serviços de saúde. A PMEPS foi aprovada pelo Conselho Municipal de Saúde (CMS) por meio da Resolução 067 de 29 de novembro de 2012.

A Educação Permanente é aprendizagem no trabalho, onde o aprender e o ensinar se incorporam ao cotidiano das organizações e ao trabalho. Estratégia de gestão que implica no conhecimento e mudança na lógica do pensar, para efetivar transformações no processo de trabalho, nas relações das equipes e na qualidade do atendimento na saúde.

Refere-se à prática social fundamentada na concepção de educação como espaço de problematização da realidade local, reflexão e diálogo. Está centrada na valorização do trabalho como fonte de conhecimento, no enfoque multiprofissional e interdisciplinar, com estratégias de ensino contextualizadas, participativas e orientadas para a transformação das práticas profissionais.

A Educação Permanente se baseia na aprendizagem significativa e na possibilidade de transformar as práticas profissionais. Pode ser entendida como aprendizagem-trabalho, ou seja, ela acontece no cotidiano das pessoas e das organizações. (Portaria nº1996)

É necessário que os trabalhadores da SEMSA estejam preparados e dispostos para a atuação nesse horizonte de mudanças. Esse movimento de reflexão se traduz num grande desafio institucional e será conduzido pela GESAU em parceria com os diversos setores da Secretaria.

A implantação dessa Política na Secretaria Municipal de Saúde contribuirá para que gestores, trabalhadores de saúde, usuários e instituições formadoras compreendam e atuem na complexidade do cuidar, com competência e cidadania buscando a integralidade da atenção e humanização nos serviços.

SISTEMA DE GESTÃO DA EDUCAÇÃO NA SAÚDE – SIGES

O Sistema de Gestão da Educação na Saúde (SIGES) tem como objetivo qualificar o gerenciamento da educação no âmbito da SEMSA, a partir do Registro Integrado das Capacitações, de Integração Ensino e Serviço e de Gestão de Pesquisa Científica.

A ferramenta possibilita desenvolver um melhor trabalho, com uma redução do tempo/resposta das informações em relação às capacitações, elaboração de agenda única além de gerar gráficos para análise e tomada de decisão da gestão.

PLANO ANUAL DE CAPACITAÇÃO

A GESAU é responsável pelo Programa de Capacitações da SEMSA. A partir de 2015 desenvolveu um plano anual de capacitação voltado para atender as demandas identificadas no Levantamento de Necessidade de Capacitações (LNC) para os servidores da SEMSA, por meio da Avaliação Periódica de Desenvolvimento (APD) e na Pesquisa de Perfil Gerencial 2015.

A ação conta com a parceria da Divisão de Educação Permanente (DIVEP), de Áreas Técnicas da SEMSA e da Escola de Serviço Público Municipal (ESPI).

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL – PDG

Teve início em janeiro de 2010, com o objetivo de proporcionar aos gestores as habilidades necessárias para o melhor desempenho no cargo. Contempla as necessidades de treinamento de todo o segmento gerencial da SEMSA por meio de atividades teóricos-práticas, de modo a permitir uma maior aproximação das ferramentas conceituais com suas práticas cotidianas e a adoção de novos e eficientes processos de trabalho, visando a excelência na prestação dos serviços de saúde à população manauara.