10/08/18 | 16:02
Prazo para processo seletivo de agentes de endemias termina no dia 15 de agosto

Termina na próxima quarta-feira, 15/8, o prazo para concorrer às 69 vagas temporárias do Processo Seletivo Simplificado da Prefeitura de Manaus, para contratação de Agentes Comunitários de Endemias. Em 24 horas de inscrição online, mais de 2,2 mil pessoas se cadastraram. Deste total, 555 candidatos já finalizaram a inscrição, com o envio da documentação solicitada por meio digital.

Esta é a primeira vez em que um Processo Seletivo da Semsa é realizado 100% online. “Nossos certames costumam atrair um expressivo número de interessados. Pensando no conforto deles e até para facilitar o acesso, nosso Departamento de Tecnologia da Informação organizou o sistema para receber, inclusive, a documentação digitalizada. Por ser um procedimento exclusivamente pela Internet, a pessoa pode fazer a inscrição a qualquer hora, precisando apenas de um computador com acesso à rede”, destaca o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi.

Magaldi explicou que o sistema está programado para, desde o início do processo, aplicar filtros que fazem a seleção automática de acordo com as exigências contidas no edital. Apenas com a inclusão de todos os documentos digitalizados, a inscrição é finalizada. Caso não sejam enviados até as 23h59 do dia 15 de agosto de 2018, o candidato será eliminado.

A partir do dia 16, das 8h às 17h, os selecionados deverão apresentar a documentação comprobatória à comissão especialmente criada para essa finalidade, cujo funcionamento será na sede da Semsa, com entrada pela rua Maceió, Adrianópolis.

Das 69 vagas oferecidas, que correspondem à complementação das equipes de endemias da secretaria, três são destinadas aos Portadores de Necessidades Especiais (PNE). Todos os selecionados irão trabalhar no Plano de Intensificação de Controle da Malária lançado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto no dia 6 de agosto.

 Requisitos obrigatórios

Para concorrer, é necessário ter Ensino Médio completo, Carteira Nacional de Habilitação, Categoria “B” e estar apto para o desenvolvimento das atribuições do cargo. A apresentação de certificados de Cursos Profissionalizantes e/ou de Qualificação na área da saúde será considerada para efeito de classificação. Os selecionados passarão por um curso de formação inicial de 40 horas.

A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, de segunda a sexta-feira, no horário de 8h às 12h e 13h às 17h, dentro do município de Manaus. O salário será composto por vencimentos, insalubridade, auxílio-transporte e auxílio-alimentação, totalizando de R$ 1.853,29.

Texto: Sandra Monteiro e Agnaldo Oliveira Júnior/Semsa

Foto: Divulgação/Semsa

Disponíveis em: https://flic.kr/p/MNuE4G