Rede de Atenção Psicossocial

Responsável: Efthimia Simões Haidos

Informações: 98842-6042 / 98842-6610

Atualmente, na rede municipal, os transtornos mentais graves e moderados, bem como os transtornos oriundos do uso abusivo de álcool e outras drogas são tratados em três Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). O atendimento é feito por meio de demanda espontânea ou de encaminhamento pela rede ampliada de assistência, incluindo os serviços de saúde, de serviço social ou de justiça. O quadro de profissionais inclui médico, assistente social, psicólogo, nutricionista, terapeuta ocupacional, enfermeiro, educador físico e farmacêutico. Uma vez acolhido, o usuário passará pela triagem com a equipe multiprofissional (anamnese). O atendimento pode ser individual ou em grupos, com oficinas terapêuticas, visitas domiciliares, acompanhamento das famílias e atividades comunitárias. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas.

O Centro de Atenção Psicossocial Benjamim Matias Fernandes (CAPS III) está localizado na Avenida Maneca Marques, 1916 – Parque 10, zona Sul, e é um serviço especializado no atendimento de pessoas adultas com transtornos mentais graves e persistentes e recebe casos identificados em adultos com história de internação psiquiátrica, psicoses, esquizofrenia e outros sofrimentos psíquicos graves e crônicos, como depressão grave, ansiedade crônica, transtorno bipolar e de humor. A permanência de um mesmo paciente no acolhimento noturno fica limitada a 07 (sete) dias corridos ou 10 (dez) dias intercalados em um período de 30 (trinta) dias.

Contato: (92) 3214-9172

O segundo, o Centro de Atenção Psicossocial Infanto-Juvenil (CAPSi), funciona na Avenida Adolpho Ducke, nº1221, Conjunto Acariquara, no Coroado, zona Leste, e é um serviço especializado no atendimento a crianças e adolescentes com transtornos mentais, como esquizofrenia, depressão, déficit de atenção e hiperatividade e problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Conforme orientação do Ministério da Saúde (MS), o CAPSi é o dispositivo da saúde também destinado ao atendimento de crianças e adolescentes com transtorno do espectro autista (TEA).

Contato: (92) 3644-3094 / 3201 / 3371 / 8796

O terceiro, o Centro de Atenção Psicossocial Dr. Afrânio Soares (CAPS ad III), funciona na Av. Efigênio Sales, 5, conjunto Jardim Espanha – Aleixo, zona sul, e é um serviço especializado no atendimento aos adultos com problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas. O serviço funciona nas 24 horas do dia, em todos os dias da semana, inclusive finais de semana e feriados. A permanência de um mesmo paciente no acolhimento noturno fica limitada a 14 (catorze) dias, num período de 30 (trinta) dias. Havendo necessidade da permanência no acolhimento noturno por um período superior a 14 (catorze) dias, o usuário deverá ser encaminhado a uma Unidade de Acolhimento.

Contato: (92) 98842-6663   3644-3371

REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL (RAPS)

No contexto da saúde mental, a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) foi instituída pela Portaria Ministerial nº 3088/GM/2011, cuja finalidade é a criação, ampliação e articulação de pontos de atenção à saúde para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas. De acordo com esta Portaria, a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) é formada por sete componentes, conforme ilustração abaixo:

Os CAPS são os instrumentos centrais na proposta de reforma da assistência em saúde mental no Brasil, mas não são os únicos dispositivos. Manaus também dispõe dos seguintes dispositivos que fazem parte da Rede Atenção Psicossocial, sob gestão Municipal:

Outros serviços especializados da RAPS

Além dos Centros de Atenção Psicossocial, pessoas que apresentem algum tipo de sofrimento psíquico podem procurar uma de nossas Unidades Básicas de Saúde ou Policlínicas que estão habilitadas a prestar atendimento, ou, se necessário, referenciar usuários para pontos especializados da Rede de Atenção Psicossocial, de acordo com a necessidade.

Dentre as UBSs da Rede Municipal, destacamos as que possuem serviço de Psicologia:

  • .
  • UBS Armando Mendes
  • Rua 05, s/n, Manoa – Cidade Nova I
  • Contato: (92) 3581-2273
  • .
  • UBS Deodato de Miranda Leão
  • Av. Presidente Dutra, s/n – Glória
  • Contato: (92) 3671-4722
  • .
  • UBS Leonor de Freitas
  • Av. Brasil, s/n – Compensa II
  • Contato: (92) 3671-3759
  • .

Policlínicas municipais com atendimento em saúde mental:

  • .
  • Policlínica Dr. José Antônio da Silva
  • Rua Aroeira, 55 – Monte das Oliveiras
  • Contato: (92) 3637-6984 / 3232-3550 / 3232-9992 / 3631-3808
  • .
  • Policlínica Antônio Reis
  • Rua Escandinávia, 710 – Betânia
  • Contato: (92) 3214-3604
  • .
  • Policlínica Castelo Branco
  • Rua do Comércio, 42 – Parque Dez
  • Contato: (92) 3236-8572
  • .
  • Policlínica Comte Telles
  • Rua J, Etapa B, s/n – São José II
  • Contato: (92) 3639-7486 / 7605
  • .
  • Policlínica Franco de Sá
  • Av. V, s/n – Nova Esperança I
  • Contato: (92) 3239-2021 / 3238-6532
  • .
  • Policlínica Djalma Batista
  • Rua 23 de Dezembro, s/n – Compensa II
  • Contato: (92) 3673-9907 / 5297
  • .

Espaço de Atendimento Multidisciplinar ao Autista Amigo Ruy (EAMAAR) – (Gestão compartilhada SEMSA/SEMMASDH) – Rua 18, 380 – Alvorada II. Telefone: (92) 3656-4004

Clique aqui para maiores informações sobre o atendimento em Saúde Mental no Amazonas.