Notícias

Ferramenta de monitoramento da tuberculose é apresentada pela prefeitura em congresso de saúde digital

A Prefeitura de Manaus participa, ao longo desta semana, do Fórum da Rede Nacional de Ensino e Pesquisas (RNP), apresentando o dashboard (painel de dados e indicadores) criado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), para aprimorar a gestão de informações sobre a tuberculose em Manaus. A ferramenta foi desenvolvida pelo Departamento de Informação, Controle, Avaliação e Regulação (Dicar), da Semsa, e está em fase de implantação na rede de Atenção Primária à Saúde.

 

 

 

 

No evento deste ano, o fórum uniu-se ao X Congresso Brasileiro de Telemedicina e Telessaúde e ao XVIII Congresso Brasileiro de Informática e Saúde, criando assim, o maior congresso de saúde digital da América Latina.

 

“É uma honra termos recebido aprovação, para compartilhar esta experiência com os maiores especialistas em saúde digital”, avalia a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, explicando que a ferramenta tecnológica vai aprimorar o gerenciamento e análise de dados e fortalecer o Programa Municipal de Tuberculose.

 

“Isso significa que, tanto o cuidado ao usuário quanto o controle da doença serão feitos de forma mais precisa. Nossa gestão poderá fazer o monitoramento do tratamento, organizando melhor os nossos processos. O dashboard é uma ferramenta tecnológica de geração de indicadores que vai facilitar o desempenho das equipes de saúde na identificação, tratamento e monitoramento dos casos de tuberculose”, destaca.

 

Para a diretora do Dicar, Sanay Souza, a apresentação dessa ferramenta é a prova de que o esforço da equipe da Semsa está sendo reconhecido e valorizado. “Estamos muito felizes em poder apresentar o dashboard.  Nosso objetivo é contribuir com outras cidades, que queiram desenvolver sistemas a partir do nosso. Além de facilitar o gerenciamento dos dados, esse painel de informações permitirá que as decisões na Atenção Básica, ligadas aos casos de tuberculose, tenham um aproveitamento melhor dos recursos públicos e da expertise das equipes de saúde que atuam nesta área”, pontua.

 

A RNP é uma organização social ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), responsável por sua manutenção, em conjunto com os ministérios da Educação (MEC), das Comunicações, Turismo, Saúde e Defesa, que integram o Programa Interministerial RNP (PRO-RNP).

 

 

Texto – Tânia Brandão/Semsa

Foto – Divulgação/Semsa

Notícias relacionadas