Notícias

Prefeitura reforça vacinação contra a Covid-19 na comunidade Nações Indígenas, na zona Oeste

Equipes do Distrito de Saúde Oeste da Prefeitura de Manaus realizaram nesta quarta-feira, 16/2, ação de vacinação contra a Covid-19 na comunidade Nações Indígenas, localizada no Tarumã, zona Oeste. No local, que existe há 12 anos, vivem cerca de 320 famílias de 12 etnias. Na ocasião, foi oferecida a primeira dose da vacina para as crianças de 5 a 11 anos, e primeira, segunda e terceira doses para a população de 12 anos e mais.

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, explicou que a prefeitura procura facilitar o acesso da população a essa imunização, disponibilizando pontos descentralizados e estratégicos, além de levar a vacinação a comunidades mais isoladas. “Nosso trabalho é no sentido de imunizar todas as pessoas que estejam nos critérios do Ministério da Saúde para receber a vacina. Essa é a principal forma de protegermos a população, razão pela qual nossas equipes não medem esforços e organizam ações como essa, de hoje, na comunidade Nações Indígenas”.

A enfermeira Isabel Hernandes, chefe da Divisão de Imunização da Semsa, classificou como positivo o resultado da ação. “Nós tínhamos a expectativa de vacinar em torno de 60 pessoas aqui nessa comunidade, mas o movimento nos surpreendeu. A adesão dos moradores foi excelente, principalmente com muitos adultos para receber a primeira dose”, destacou.

Aos oito anos, o pequeno Matheus Oliveira, da etnia kokama, recebeu a primeira dose da vacina pediátrica da Pfizer. “Se não tomar a vacina, pode ficar muito doente e até morrer. Todo mundo deve tomar”, disse.

Adriana Barros da Costa, 25 anos, pertence à etnia miranha. Ela aproveitou e já tomou a terceira dose, para garantir o reforço da imunização. “Na minha casa, todos já estão vacinados, até o meu filho pequeno que agora vai esperar o dia da segunda dose”, contou.

A cacique Ana Célia Barros da Costa, líder da comunidade Nações Indígenas, falou da importância da vacinação. “Essa vacina representa muito aqui na nossa comunidade, é um bem para todos que moramos na comunidade Nações Indígenas. Nós agradecemos muito essa iniciativa da prefeitura, de trazer essa proteção também aqui para a nossa gente, desde as crianças, até os adultos, com todas as doses que precisamos”.

Nesta quinta-feira, 17/2, a Semsa levará a vacinação contra a Covid-19 para crianças e adultos. A outra comunidade indígena, a Associação Unindo Etnias, localizada no conjunto Cidadão 10, na rua Paraná do Barroso, quadra 14, nº 119, bairro Tarumã, também na zona Oeste.

 

Texto – Sandra Monteiro / Semsa
Fotos – Camila Batista / Semsa

Notícias relacionadas