Notícias

Vacina contra a Covid-19 será oferecida em 50 locais durante a semana

A Prefeitura de Manaus segue com a vacinação contra a Covid-19 em 50 locais de atendimento, que estarão abertos de segunda a sexta-feira desta semana. O foco principal da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) é avançar na dose de reforço do público de 18 anos ou mais e na segunda dose das crianças de 5 a 11 anos. Balanço feito pela Secretaria mostra que mais da metade desses dois segmentos está atrasada com o esquema vacinal.

 

 

 

 

Dos 50 pontos de vacinação, cinco estão preparados para receber o público infantil – Parque Cidade da Criança e Studio 5, na zona Sul; Sesi, na zona Leste; Sambódromo na zona Oeste; e shopping Via Norte, na zona Norte  – e 48 farão o atendimento de adolescentes, adultos e idosos, sendo quatro pontos estratégicos de grande fluxo – Shopping Phelippe Daou, Studio 5, Sesi e Sambódromo – 44 unidades de saúde da rede pública. Todos funcionarão ao longo da semana, das 9h às 16h. Apenas o shopping Via Norte inicia o atendimento uma hora mais tarde, às 10h.

 

A lista com os locais de vacinação, endereços e horários de funcionamento pode ser consultada no site da Semsa por meio do link bit.ly/localvacinacovid19 e nos perfis da Secretaria nas redes sociais (@semsamanaus, no Instagram e Semsa Manaus, no Facebook).

 

A subsecretária municipal de Gestão da Saúde, Aldeniza Araújo, lembra que as crianças de 5 a 11 anos devem, ir se vacinar acompanhadas de um dos pais ou outro responsável maior de 18 anos, e devem apresentar a caderneta de vacinação, a certidão de nascimento ou um documento de identificação com foto, e o Cartão Nacional do SUS ou o CPF. Nos pontos de vacinação estão disponíveis as duas doses de vacina. Para completar o esquema vacinal, a criança deve ter recebido a primeira dose há 28 dias, se recebeu CoronaVac, ou há dois meses, se a primeira dose foi de Pfizer pediátrica.

 

“Mais uma vez orientamos aos pais que levem seus pequenos para completar o esquema vacinal, garantindo que fiquem protegidos. O cenário atual é de tranquilidade em relação à Covid-19, mas precisamos dar seguimento à vacinação e nos mantermos vigilantes para evitar ao máximo os riscos de exposição ao vírus, que continua a circular”, alerta a subsecretária.

 

Para os adolescentes de 12 a 17 anos também estão disponíveis a primeira dose e a segunda dose, que deve ser aplicada em um intervalo mínimo de 21 dias. para os que apresentam alto grau de imunossupressão está disponível a terceira dose, indicada para os que tomaram a segunda dose há dois meses ou mais.

 

Adultos de 18 anos e mais também podem receber as primeiras doses do esquema vacinal inicial e a primeira dose de reforço (terceira dose), que deve ser aplicada após quatro meses da segunda, até os 59 anos, e após três meses para quem tem 60 anos ou mais.

 

Além disso, está sendo oferecida a quarta dose para imunossuprimidos e idosos de 70 anos ou mais, que tomaram a terceira dose há, pelo menos, quatro meses.

 

Os que receberam a vacina da Janssen e as crianças e adolescentes de 5 a 17 anos precisam apenas de duas doses, de acordo com as orientações vigentes do Ministério da Saúde.

 

Quem tem 18 anos ou mais deve levar a carteira de vacinação, documento de identidade original com foto e CPF. Para os imunossuprimidos é exigido laudo que comprove esta condição de saúde.

 

 

Texto – Andréa Arruda/Semsa

Fotos – Camila Batista/Semsa

Notícias relacionadas